Header Ads

DAF produz o primeiro XF 105 na sua nova fábrica em Ponta Grossa.













 A DAF ainda não finalizou as obras de sua fábrica em Ponta Grossa (PR), mas já está cumprindo com seus compromissos comerciais: na terça-feira (02/10) saiu da linha de montagem de caminhões, que já tem os maquinários instalados e funcionários contratados, a primeira unidade produzida do pesado XF 105, o modelo que abastecerá as 20 concessionárias da marca a partir de outubro. A fábrica será erguida em um terreno com 2,3 milhões de metros quadrados, mas não há data definida para a inauguração oficial.
A estratégia da DAF em investir no Brasil está diretamente ligada ao potencial do País, extremamente estratégico para o desenvolvimento da companhia em mercados emergentes. Começaremos com o nosso campeão de vendas na Europa, o XF 105, mas nos preparando para trazer outras famílias de caminhões”, afirma Marco Davila, presidente da DAF Brasil.

 O XF 105 será oferecido nas versões 6×2 e 6×4 e com duas opções de cabine, Confort Cab e Space Cab. Uma unidade do caminhão (que tem mais de 3,2 mil peças e demora cerca de nove horas para ser montado) será entregue por dia nos meses de outubro e novembro. Em dezembro, serão duas unidades por dia, chegando a quase 200 unidades até o fim do ano. Em 2014, o objetivo é fabricar, com o mesmo padrão mundial de qualidade da Paccar, 2,5 mil caminhões em dois turnos. Atualmente, são 150 funcionários, número que deve dobrar já no ano que vem.


O presidente da DAF no Brasil, Marco Davila afirma que a empresa já tem 60 fornecedores brasileiros definidos e que deverão ser 80 até o fim de 2014. Mais de 70% deles estão instalados em São Paulo. Os demais estão espalhados entre as regiões Sul e Sudeste do País. A marca conta ainda com 160 empresas de autopeças europeias, de países como Holanda, Alemanha e Bélgica, que enviam os componentes por meio do porto de Paranaguá (PR).
 
 Entre os principais parceiros, a Tupy foi escolhida para fundir o bloco e o cabeçote do motor do XF 105, que depois deste processo é enviado à Holanda para ser montado pela sede da DAF e volta ao Brasil. O eixo traseiro, pela Meritor. O eixo dianteiro, pela própria DAF. A suspensão é da Suspensys. Caixas de câmbio e direção são da ZF. Os pneus escolhidos são feitos pela Goodyear.


Rede de Concessionárias
 Até o fim de 2013, a DAF contará com uma Rede de 20 Concessionárias, distribuídas por todas as regiões do País, com foco inicial no Sul e Sudeste. A previsão é dobrar esse número já em 2014. “Escolhemos grupos que têm foco na qualidade de serviço, no atendimento e na visão de longo prazo. Nossa Rede terá papel fundamental no desenvolvimento dos negócios da DAF no Brasil, que está chegando para mudar os padrões no transporte de carga de longa distância. Vamos oferecer ao mercado caminhões robustos, confortáveis e eficientes. Nossa meta é conquistar 10% do mercado brasileiro em cinco anos”, acrescenta Michael Kuester, diretor Comercial da DAF Brasil.

Tecnologia do Blogger.