Header Ads

Governo paulista reduz imposto sobre implementos rodoviários


















 No último dia 14 de janeiro, o governo de São Paulo reduziu a base do cálculo do ICMS de 18% para 12%. Segundo o Decreto 60.064 foram beneficiadas as carrocerias para os veículos automóveis das posições 87.01 a 87.05 da NCM, reboques e semirreboques, para quaisquer veículos e vagões ferroviários de carga.

 Em entrevista exclusiva ao PORTAL FROTA& CIA ONLINE, Francisco Petrini, diretor executivo da SIMEFRE (Sindicato Interestadual de Materiais e Equipamentos Ferroviários e Rodoviários) explicou que há quase sete anos a entidade estava lutando com as autoridades para ocorrer esta redução do imposto. O diretor só vê benefícios com esta medida: “As indústrias se tornam mais competitivas e o estado perde a desvantagem que tinha com outros estados”, explica.

 Segundo Petrini, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Santa Catarina e Rio Grande do Sul já possuíam o imposto menor que o estado de São Paulo. O diretor afirma que a mudança só traz benefícios, além de que a indústria paulista perde a desvantagem que tinha.

 Alcides Braga, presidente da ANFIR (Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários) também enxerga como positiva a atitude do governo paulista: “Parabenizo a sensibilidade do governo em melhorar a indústria e a competitividade com a diminuição do ICMS”, finaliza.

Tecnologia do Blogger.