Header Ads

Main

Voluntários da Librelato levam doações e carinho para idosos




















Primeiro grupo do projeto Sou Voluntário se forma para visitar um asilo em Criciúma

 Uma das grandes buscas da Librelato S.A. é participar ativamente da sociedade e, desta forma, auxiliar quem precisa de apoio e atenção. Além de outras ações que a empresa também desenvolve com o projeto Amigos da Comunidade e Librelato Ambiental, ano passado estendeu as ações aos representantes com o “Voluntários Librelato Cultivando o Bem” e, hoje expande para os colaboradores, através do “Sou Voluntário”.

 No último domingo, dia 16 de março, o grupo, formado espontaneamente por colaboradores do setor de marketing e familiares, foram até o asilo São Vicente de Paulo, em Criciúma, onde levaram doações, atenção e carinho aos 70 idosos que vivem lá. “Escolhemos o asilo e depois ligamos para lá para saber como funcionavam os dias de visita e o que eles mais precisavam de doações. Fomos informados que eles precisavam de produtos de limpeza e de higiene pessoal, então nos dividimos e cada um levou algum item. Além da Librelato, que também fez doações de brindes. Foi uma atividade realizada em um domingo à tarde, algo que fizemos fora do que estamos acostumados. Uma ação que nos encheu de orgulho e que nos fez repensar sobre muitas coisas. Afinal, são em locais como esses que percebemos o quanto as pessoas precisam de carinho e de atenção”, analisa a coordenadora de marketing da Librelato, Graziela Gislon.

 Os voluntários puderam sentar com os idosos e trocar experiências, ouvir muitas histórias e conviver um pouco mais com pessoas que, assim como todos, só querem um pouco de atenção e carinho. As doações variaram entre material de limpeza, sabão em pó, talco, creme hidratante, shampoo, sabonete, papel higiênico, entre outros. Participaram os colaboradores: Lillian Barbosa, Guilherme Trombin, Daniela Zomer e sua irmã Denise Zomer, Carine Lipreri, Graziela Gislon e seu noivo Daniel Bussolo e, Thayni Librelato e seu esposo Ulisses Gabriel. “A sensação de alegria que senti ao conversar e passar à tarde com eles foi muito grande. Começamos a conversar e já foi possível ver a felicidade deles em poder ter alguém para os escutar, foi emocionante”, conta Denise Zomer, irmã da colaboradora Daniela Zomer.

 O objetivo do Sou Voluntário é criar equipes de apoio com os colaboradores para por em prática a responsabilidade social, através de ações sociais e ambientais em prol das comunidades onde a Librelato está inserida. O projeto já está sendo divulgado dentro da empresa e todos os colaboradores terão a oportunidade de participar de um dos grupos voluntários. “Vivemos em um mundo extremamente competitivo onde as pessoas não têm mais tempo. Criar um programa estruturado de voluntários dentro da empresa, definido a partir de um plano de ações que oriente para o caminho da solidariedade e que reconhece a necessidade de ajudar à sociedade em seu desenvolvimento, faz com que a chance de envolver os voluntários se torne mais real e motive os colaboradores a se tornarem cidadãos do bem, extremamente responsáveis e que amem trabalhar em grupo”, avalia a gerente de marketing e jurídico, Thayni da Silva Librelato.

Via Librelato
Tecnologia do Blogger.