Header Ads

Main

Grupo sem terra fecha completamente cinco rodovias federais em Minas



Por Fernanda Viegas para o O Tempo.  

 De acordo com a concessionária Autopista Fernão Dias, já são registrados cinco quilômetros de congestionamento, em cada um dos sentidos da BR-381

 Manifestações do Movimento Sem Terra (MST) fecham completamente cinco rodovias federais que cortam Minas Gerais, na manhã desta quarta-feira (11). Na BR-381, em Santo Antônio do Amparo, na região Centro-Oeste de Minas Gerais, o protesto é na praça de pedágio, na altura do KM 658.

 De acordo com a concessionária Autopista Fernão Dias, que administra a rodovia, já são registrados cinco quilômetros de congestionamento, em cada um dos sentidos. Inicialmente, os motoristas estavam conseguindo passar, sem pagar o pedágio, por duas cabines que estavam liberadas. Minutos depois, os manifestantes fecharam tudo.

 As outras estradas são a BR-251, em Montes Claros, no Norte de Minas, a BR-153, em Frutal, e a BR-365, em Monte Alegre de Minas, ambas na região do Triângulo Mineiro, e a BR-116, em Frei Inocêncio, na região do Rio Doce.

 Desde às 6h30 os grupos começaram a se espalhar pelas vias. Em alguns pontos, o protesto acontece com queima de pneus.

 O grupo pede pela presença da imprensa e do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) no local. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) acompanha as manifestações e busca negociação para liberação dos trechos.


Tecnologia do Blogger.