Header Ads

Main

Rodovia Dutra será interditada para implantação de viaduto do Trecho Leste do Rodoanel





Vigas do viaduto são maiores que meio campo de futebol

 A Contern, construtora contratada pela Concessionária SPMAR e responsável pela obra do Trecho Leste do Rodoanel, fará entre a noite desta terça-feira (14/4) e a madrugada de quarta-feira (15/4), o lançamento das vigas do viaduto de acesso do Trecho Leste para a pista da Rodovia Presidente Dutra (BR -116) sentido São Paulo.

 Serão lançadas quatro vigas de aço (duas a duas), com 58 metros de comprimento – maiores que meio campo de futebol - e 126 toneladas - equivalente a três aviões AirBus A-320. Neste trabalho serão utilizados dois guindastes de 500 toneladas, dois guindastes de 220 toneladas e um caminhão tipo Dolly que carregará as vigas. As vigas foram fabricadas com aço COR 350 que possui uma camada superficial de ferrugem essencial para sua proteção.

 Durante os lançamentos das vigas haverá bloqueios na rodovia Presidente Dutra (BR-116), que serão coordenados pela Polícia Rodoviária Federal e pela Concessionária Nova Dutra. A realização da operação dependerá do volume de tráfego e condições climáticas

 SPMAR - A Concessionária SPMAR atua, desde março de 2011, na administração do Trecho Sul do Rodoanel Mário Covas além de fazer a gestão da construção do Trecho Leste, no Estado de São Paulo. Sendo responsável por administrar mais de 75% do Rodoanel Metropolitano de São Paulo em operação.

 Trecho Sul - do km 30 ao km 86 do Rodoanel Mário Covas, liga os Trechos Leste e Oeste do Rodoanel. O Trecho Sul é cortado pelas rodovias Régis Bittencourt (entroncamento com o Trecho Oeste) no km 30; Imigrantes no km 70 e Anchieta no km 75, além da Av. Papa João XXII, em Mauá, no km 86.

 Trecho Leste: inaugurado em 2014, a primeira parte do Rodoanel Leste tem inicio no km 86 do Rodoanel Mário Covas, entroncamento com o Trecho Sul, em Ribeirão Pires, e segue até o km 125 , na ligação com a Rodovia Ayrton Senna, em Itaquaquecetuba. O primeiro trecho do Rodoanel Leste já permite a ligação de dois pontos de grande importância econômica e logística do Estado, sendo a principal conexão entre as rotas que levam ao Aeroporto Internacional de Cumbica e ao Porto de Santos. O investimento e a construção do Trecho Leste foram realizados pela iniciativa privada sem onerar um centavo dos cofres públicos.
Tecnologia do Blogger.