Publicidade

Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5

Style6[OneLeft]

Style6[OneRight]



Fabricante de carrocerias aposta na diversidade de modelos para conquistar os clientes


 O excelente desempenho registrado pela Polomex nos primeiros meses de 2017 no mercado mexicano reforça a sua posição de vice-liderança na fabricação de carrocerias de ônibus e prevê crescimento expressivo no seu market-share para os próximos anos. O resultado alcançado nos primeiros quatro meses se deu, sobretudo, em razão do fornecimento de quase 100 ônibus do modelo MP 180 MX para a IAMSA, exclusivo para o mercado mexicano e que incorporou novidades tecnológicas e itens inéditos para atender as solicitações do cliente e oferecer padrão superior de conforto, segurança e ergonomia.

“Mais importante que o volume entregue para a IAMSA é o sucesso que o nosso produto já alcançou nesses poucos meses de operação. A aceitação dos passageiros foi excelente, sobretudo com relação à configuração, ao conforto e ao acabamento superior dos ônibus”, explica Paulo Andrade, diretor-geral da Polomex.


“Este desempenho, aliado ao lançamento de novos produtos, como o micro-ônibus MP Volare e os modelos urbanos, vai permitir que alcancemos as metas traçadas e voltemos a ter um mercado forte como no início dos anos 2000”, destaca Andrade. Segundo o executivo, o plano estratégico da Polomex prevê, até 2020, alcançar a liderança de mercado, com 30% de participação e aumentar também a presença nos países vizinhos, por intermédio da exportação de veículos.

 Hoje a Polomex é seguramente a empresa com o maior portfólio de produtos do México. O objetivo é ser ainda mais competitiva e atuar de maneira crescente no mercado mexicano – um dos mais importantes para a empresa em todo o mundo. Para ampliar a oferta aos clientes, ao longo do ano passado, a Polomex passou também a produzir em sua fábrica, em Monterrey, os rodoviários Marcopolo MP 180 MX, MP 135 MX, MP 120 MX, MP 105 MX, MP 70 MX e o urbano Marcopolo MP 60, além dos tradicionais e consagrados modelos, como o Torino e o Boxer com novo design.



“Apesar de sinais de diminuição no ritmo da demanda neste segundo trimestre de 2017, sobretudo em razão das incertezas políticas e econômicas, continuamos acreditando nas possibilidades de crescimento”, destaca Paulo Andrade. O executivo comenta que, em 2017, a Polomex pretende ampliar a sua presença em todos os segmentos, tanto urbano quanto rodoviário. “Há muitos negócios surgindo nos sistemas BRTs, novos e expansão dos atuais projetos, planejados para o ano, como Querétaro, León, Tijuana, Puebla, CDMX, Guadalajara e Monterrey. Também existe a possibilidade de inclusão de ônibus movidos a gás nesses sistemas”, comenta.

 No segmento de rodoviários, a Polomex pretende ampliar fortemente a sua presença. Um dos motivos, além da ampla gama de modelos oferecidos é a tendência do mercado de adoção dos sofisticados ônibus de dois pisos (Double Decker), como o MP 180. “Este ano, vamos comercializar quase 150 unidades do MP 180, um fato histórico, pois nunca havíamos passado de 50 unidades em um ano. Além disso, devemos produzir cerca de 170 ônibus MP 135, o nosso modelo mais vendido”, destaca Andrade.

Objetivo é crescer ainda mais

 A expectativa da empresa é comercializar 2.000 ônibus em 2017 com crescimento mais forte no segundo semestre. Para alcançar os objetivos, a Polomex pretende exportar seus produtos para os países geograficamente próximos ao México, de acordo com as condições internacionais de competitividade. “No que diz respeito ao potencial de mercado, o México é o segundo maior da América Latina na produção de ônibus, atrás apenas do Brasil, e temos capacidade para produzir 4,5 mil unidades/ano na planta de Monterrey”, finaliza Paulo Andrade.

 Em 2016, a Polomex firmou-se na vice-liderança geral do mercado mexicano, com 1.203 unidades comercializadas e ampliou a sua participação no segmento de ônibus rodoviários, crescendo de 14,85% em 2015, para 19%, com 346 unidades entregues aos clientes, contra 175 no ano anterior. Outro aspecto importante é que a produção de ônibus com diferentes marcas de chassis representou 63% dos negócios realizados, o que demonstra o acerto na estratégia adotada como armadora de ônibus.

 Entre os importantes negócios que aumentaram a participação da Polomex no segmento rodoviário em 2016 destacam-se também a venda de 206 unidades do modelo MP 135 MX para a Estrella Blanca, além do fornecimento a diferentes clientes de Turismo em nível nacional, de outros 60 ônibus Marcopolo MP 120 MX de 14 metros de comprimento.

Via Marcopolo

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário


Top