Header Ads

Main

Modelo de teste da DAF possivelmente “bicudo” é flagrado em teste e não estamos loucos, entenda




 Modelo foi flagrado ainda com câmeras que pode subsistir os retrovisores em breve.

 Texto de Érico Pimenta. Editor-Chefe do Midia Truck Brasil. Com informações de Transport Environment.ORG

 No último dia 28 de janeiro começou a circular nas redes sociais e grupos de caminhoneiros uma foto de um modelo XF de testes da DAF. No modelo em sí, que aparentemente não está camuflado pode se notar algumas câmeras de vídeos ao lado dos retrovisores, o que indicaria que a DAF está testando câmeras de vídeo para substituir os retrovisores em um futuro próximo, tecnologia que a Scania, Volvo e Mercedes-Benz já estão testando também, porém o detalhe que chama mais atenção e que ele é um modelo “bicudo”, sim entre aspas.

 O pequeno bico do DAF XF

 
Lá em 2014, o Parlamento Europeu e a União Europeia (UE) aprovaram mudanças que permite que as montadoras de caminhões possam criar modelos com “um pequeno nariz / bico”, o que o tornaria os modelos mais seguros para os pedestres e poderiam aumentar o campo de visão do motorista em 50%.



 Comentando o acordo lá em 2014, William Todts of Transport & Environment (T & E), disse: "Este acordo sinaliza o fim de caminhões perigosos e ineficientes em forma de tijolos. Esta é uma boa notícia para os transportadores e os motoristas de caminhões e, acima de tudo, para pedestres e ciclistas que estarão muito mais seguros. Mas a decisão absurda e sem precedentes de impor uma proibição de novos modelos de camiões até 2022 lança uma sombra escura sobre o acordo ".

 De acordo com a proposta original da Comissão, em 2014, os novos projetos teriam sido permitidos já em 2017. O Parlamento Europeu deu um voto favorável a data, porém as fabricantes de caminhões pressionaram para permitir novos projetos após 2025, temendo que um subsídio rápido perturbe o "equilíbrio competitivo" entre elas. Eles convenceram os Estados-Membros da UE de impor uma proibição até 2025. Mas no final, o Parlamento reduziu a data para 2022.



 William Todts ainda comentou em 2014 sobre as novas leis: "Poucas outras indústrias fariam o que a indústria de caminhões fez aqui: lobby com dificuldade em proibir um produto melhor durante o maior tempo possível. Esta é a mesma indústria que a Comissão começou recentemente a investigar a fixação de preços. Claramente, a Comissão precisa fazer muito mais para ingerir uma concorrência real neste setor. Definir padrões ambiciosos de eficiência de combustível para caminhões, como os EUA fizeram seria um bom começo ".

 Pela atual lei europeia, os caminhões devem ter a cabine com o comprimento máximo de 2,35 metros, o DAF XF vendido no Brasil tem 2,25 metros.


 O que as montadoras já estão fazendo nesse sentido?


 Na última IAA 2016, a DAF apresentou um modelo XF hibrido, no qual tinha um motor convencional a diesel e um elétrico, e ele tinha o parachoque frontal com uma saliência, que na época foi dito que seria para melhorar a aerodinâmica do modelo. 

 
Modelo apresentado na IAA 2016. Note o parachoque avantajado. 

 A Volvo também apresentou um modelo com uma frente avantajada, na ocasião a montadora sueca usou como base o New FH e conseguiu uma economia de 30% no consumo, além da aerodinâmica melhorada, o modelo não conta com retrovisores, e sim câmeras de vídeo no lugar dos retrovisores convencionais.

Modelo conceito da Volvo Trucks. Até 30% de economia de combustível. 
 Outra montadora que já apresentou um conceito interessante sobre esse tema foi a Scania lá na virada dos anos 90 com os anos 2000 com o famoso Scania 2010 Concept Truck, STAX e o CZC (CRASH-ZONE CONCEPT). Confira a foto dos conceitos:


Scania 2010 Concept Truck apresentado em 1999. 


Scania STAX (Scania Truck – Advanced Xterior) apresentado em 2002 na IAA
Scania CZC apresentado em 2003 na RAI, na mesma feira foi apresentado o LONGLINE, fruto do conceito eXc.
 De certa forma, o que entendemos e que os modelos bicudos podem voltar a circular pela Europa, porém não os bicudos como tradicionalmente conhecemos, porém com os diversos estudos que os Estados Unidos fazem com os SuperTrucks que consegue ótimas economias e são bicudos, não era mais simples a Europa se inspirar e trazer os bicudos de volta?


Tecnologia do Blogger.