Header Ads


.

Caminhoneiro da ‘quebradinha de asa’ presta depoimento e diz que queria se divertir



















José Gleicyano de Albuquerque apareceu em vídeo realizando manobras perigosas; na Polícia ele afirmou estar arrependido

 O caminhoneiro que dirigia o bitrem que realizou as manobras conhecidas como 'quebradinha de asa',Jose Gleicyano de Albuquerque, 26 anos., prestou depoimento à Polícia Civil na noite desta quinta-feira (20). Ele que está arrependido por ter feito as manobras que foram filmadas por um colega e tiveram repercussão nacional. José Gleyciano afirmou que o ato foi impensado e que 'jamais pensou em causar transtornos para ninguém'.

 O motorista relatou também que realizou as manobras para 'se divertir um pouco', já que a viagem era muito longa. Ele não soube informar precisamente o dia em que huve a filmagem das manobras, mas disse à Polícia que o caso ocorreu no mês de fevereiro de 2014, quando fazia uma viagem até a Fazenda Vale Verde, no município de Tapurah.

 No depoimento, o carreteiro reiterou que no momento da filmagem trafegava por uma rodovia estadual, sentido à cidade de Ipiranga do Norte. Ele disse que teve vontade de fazer as manobras e pediu, via rádio, para que o também caminhoneiro, Ronair Muniz de Farias, de 37 anos, registrasse tudo com uma câmera digital.

 Jose completou que ultrapassou a carreta de Ronair e começou a fazer a 'quebradinha de asa'. O homem, de 26 anos, falou que a rodovia estava quase sem movimento e que parou com a brincadeira quando dois veículos passaram pela estrada. Ele acrescentou que não sabia que a ação era crime, que tinha apenas ouvido comentários sobre as manobras e que aquela foi a primeira vez que praticou isso.

Andamento do caso

O delegado regional da Polícia Civil, Henrique de Freitas Meneguelo, lembrou que o outro caminhoneiro Ronair de Farias também prestou depoimento e confirmou que havia filmado as manobras, porém alegou a prática de atitude semelhante.

Henrique reiterou que o procedimento policial do caso está em conclusão e que será encaminhado para Tapurah, pois foi lá onde o fato ocorreu. "A punição pela prática destas manobras pode chegar a quatro anos de detenção e suspensão do direito de dirirgir", finalizou o delegado.

8 comentários:

  1. Queria se divertir,divertir com um bitren irresponsável tinha que ser processado por tentativa de homicídio perder o direito de dirigir,só assim teríamos um verme a menos nas nossas rodovias.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Motorista que dirige um CAMINHÃO QUE NÃO É DELE faz isso. É aquele indivíduo que não serviu pra mais nada e trabalha em condições precárias, sem o devido descanso, usando drogas para conseguir se manter acordado. A mão de obra BARATA contrata imbecis de 20 a 30 anos, (RARAS EXCESSÕES) que não tem qualquer responsabilidade com o veículo e muito menos com o próximo. Vamos desafogar as rodovias reativando as ferrovias. Bando de governantes safados!!

      Excluir
    2. Eu acho que nessa historia não depende da idade mais sim da responsabilidade o que esse cara fez não tem explicação !!!!!!! isso é fora do normal tanto na lei como pra nós hem !!!! isso é um motorista sem noção do que é um caminhão !!!!!..... por isso que a classe de motorista esta sem moral!!!!!!! é por causa desses caras que nossa profissão esta tão desvalorizada !!!!! eu peço desculpas pelo o que esse cara fez ..... como existe motorista desse tipo , mais não quer dizer que somos todos assim !!!!

      Excluir
    3. Cururu. pq tirar a CNH dele..depois voçe vai por comida dentro da casa dele..

      Excluir
    4. vc deve ser um desse tipo...cururuzão...

      Excluir
  2. vai prender ladrão !!!!!!

    ResponderExcluir
  3. vitoria marques24/03/2014 17:41

    ele deveria ter pensado mil vezes antes de coloca vida de familias que não tem nada a ver com isso em risco.. motorista tem que ser conciente e prudente.. ele tá na profissão errada migão. caminhão é uma maquina para trabalha não pra se matar. eu acho é poco tem que tira a cnh mesmo.

    ResponderExcluir
  4. Tem que ser preso mesmo é por causa desse tipo de gente que a clase é descriminada.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.