Header Ads

Main

Caminhoneiros fazem protesto e interditam a BR-381, em Oliveira, neste domingo



 Via EM. Texto de Rodrigo Melo. 

 Ato segue os moldes da manifestação que aconteceu em pelo menos quatro rodovias do estado, há 20 dias. Motoristas protestam contra a alta do preço do óleo diesel, exigem o aumento do valor do frete e um tempo menor de descanso

 Caminhoneiros fazem uma nova manifestação impedindo o trânsito para veículos de carga nos dois sentidos da BR-381, na altura do km 617, em Oliveira, no Centro-Oeste de Minas Gerais. Os trabalhadores estão ocupando o acostamento e uma faixa da via, gerando um congestionamento acumulado de três quilômetros. Oficiais da Polícia Rodoviária Federal (PRF) estão no local, negociando com os manifestantes.

 O ato segue os moldes da manifestação que aconteceu em pelo menos quatro rodovias do estado, há 20 dias. Os manifestantes estão impedindo o trânsito para outros caminhoneiros. Uma faixa da via, em ambos os sentidos, segue liberada para a circulação de carros, ônibus, ambulâncias e veículos oficiais.

 Os motoristas protestam contra a alta do preço do óleo diesel e exigem o aumento do valor do frete. Eles reivindicam ainda um menor tempo de descanso exigido pela legislação. Uma revisão da Lei 12.619, exige que os caminhoneiros devem repousar 11 horas num prazo de 24 horas e parar por uma hora por refeição. Os caminhoneiros querem 8 horas de descanso.

 O protesto começou às 17h e causa, no início da noite deste domingo, um quilômetro de congestionamento no sentido Belo Horizonte e dois quilômetros no sentido São Paulo da rodovia. Segundo a assessoria da Concessionária Autopista Fernão Dias, o ato segue sem conflitos até o momento.

Ainda de acordo com a concessionária, se a manifestação seguir até a manhã desta segunda-feira, o protesto pode ganhar força e o congestionamento pode atingir cidades como Santo Antônio do Amparo e Perdões.

 Os protestos formam completamente encerrados por volta de 2h40 de segunda-feira.
Tecnologia do Blogger.