Header Ads

Main

Caminhões movidos a gás natural serão isentos de pagar pedágio na Alemanha em 2019 e 2020



Medida tem como estimular o uso de modelos movidos a gás

Texto de Érico Rafael Pmenta. Editor-Chefe do Midia Truck Brasil

 Nos próximos anos de 2019 e 2020, motoristas de caminhões movidos a gás natural veicular (GNV) ou a gás natural liquefeito (GNL) terão inserção de 100% no valor do pedágio nas estradas da Alemanha. Tal atitude foi tomada pelo governo alemão para estimular as empresas a investirem em frotas limpas e também incentivar os motoristas autônomos a investir em modelos a gás.

  Após os dois anos de isenção (2019 e 2020), em primeiro de janeiro de 2021 os motoristas vão voltar a pagar pedágio, porém com valor reduzido, já que os mesmo não vão pagar pela taxa de poluição, assim eles devem pagar apenas pela taxa de infra-estrutura e a taxa de ruído.


Com a isenção, é esperado uma economia de até £ 0.19 centavos de euro por quilômetro, o que pode ser um incentivo a mais para a compra de um modelo a gás. Segundo o site 40ton.net o valor médio do Iveco Stralis NP 460 é de 130 mil euros.

Caminhões elétricos também serão isentos

 A Alemanha também tinha anunciado tal benefício para caminhões elétricos, porém pela baixa autonomia dos modelos elétricos (atualmente cerca de 200 km), pode não ser tão vantajoso, já em contra partida, os modelos a gás tem uma autonomia maior e podem fazer as viagens internacionais (T.I.R).

 Ontem mostramos aqui no Midia Truck Brasil um Iveco Stralis NP 460 que fez mais de 1.700 km sem reabastecer.




Tecnologia do Blogger.