Header Ads

União Europeia acelera pacote de leis para a volta dos caminhões bicudos ao mercado

Scania T580 V8 Topline 6x4 Último modelo bicudo produzido pela Scania. Foto: Scania 

 A intenção do liberação dos caminhões “bicudos” visa a segurança e melhor
aerodinâmica dos modelos

Texto de Érico Rafael Pimenta. Editor-chefe do Midia Truck Brasil

  Não é de hoje que a União Europeia discute a introdução de caminhões bicudos ao mercado e uma data fixa era estabelecida para 2022, porém a Comissão dos Transportes e do Turismo do Parlamento Europeu votou para uma aplicação mais rápida das novas regras estabelecidas para a volta dos modelos.

 Os novos regulamentos permitem que as novas cabines entre em vigor “o mais breve possível”. A Comissão Europeia pode anunciar as novas medidas em breve e como apurado pelo Blog do Caminhoneiro, ainda no final deste mês de fevereiro.





 Ainda segundo os membros do comitê, o quão mais rápido as regras forem definidas, mais rápido as montadoras podem apresentar e trabalhar em conceitos dos novos modelos bicudos.

 Com as novas regras, os caminhões podem receber capô ligeiramente mais longos, porém nada tão perto dos tradicionais e nostálgicos modelos bicudos. Os novos modelos vão melhorar as propriedades aerodinâmicas além de criar uma zona para impactos, garantindo mais segurança.

Scania CZC

 No inicio dos anos 2000, a Scania apresentou um modelo conceito chamado de CZC (Concept Crash Zone). Acreditamos que os novos modelos bicudos podem seguir esse conceito em geral, no qual o capo não e tão longo como os modelos tradicionais.

Scania CZC. Desenho mostra a estrutura frontal desenvolvida para absorver impactos em caso de acidentes. Foto: Scania




Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.