Header Ads



PRF já autuou 737 caminhões por excesso de peso de janeiro a agosto em Minas Gerais


O excesso de peso coloca em risco a segurança do motorista além de causar danos na malha rodoviária

Texto de Érico Rafael Pimenta. Editor-chefe do Midia Truck Brasil

  A PRF (Polícia Rodoviária Federal) dentro do seu âmbito de atuação, tem intensificado o policiamento e patrulhamento diuturno de todas as rodovias sob a sua circunscrição, visando não apenas o cometimento de infrações por parte dos condutores, incluindo ações de combate ao excesso de peso em rodovias.





O excesso de peso em veículos de cargas de grande porte como caminhões colocam em risco a vida do motorista, já que o peso em excesso altera o funcionamento do sistema de freio, que pode sofrer com sobre carga de trabalho e chegando ao extremo de pegar fogo. Outro agravante causado pelo excesso é a degradação da malha rodoviária.

 Apenas em 2019, de janeiro a agosto nas rodovias mineiras, a PRF-MG já realizou 737 autuações a caminhões com excesso de peso. Confira os dados repassados pela PRF-MG.



 Em sua nota ao Midia Truck Brasil a PRF-MG explica que utiliza uma ampla base de dados estatísticos para aprimorar de forma constante os pontos de fiscalização, bem como modernizar a forma de abordagem aos condutores.

 A atuação da PRF visa proporcionar um trânsito seguro para os usuários das rodovias federais sob sua circunscrição.

 Vale lembrar que o motorista autuado com excesso de peso além de receber uma multa ele deve fazer o transbordo da carga para outro caminhão.





Um comentário

Anônimo disse...

Quantos ladrões de cargas eles prenderam neste mesmo período? Isso só em minas 3

Tecnologia do Blogger.