Hot Widget

Type Here to Get Search Results !

A VOZ DELAS


Mercedes-Benz e Einstein oferecem atendimento de saúde para caminhoneiros em São Vicente, na Baixada Santista

Profissionais do Einstein realizam consultas e exames para promover a saúde dos profissionais do volante, visando especialmente a redução de riscos cardiovasculares

 Dando prosseguimento ao projeto #UnindoForças, ação que oferece atendimento médico e vacinas a comunidades carentes e a motoristas nas estradas, a Mercedes-Benz e o Einstein levam o caminhão da saúde a caminhoneiros da Baixada Santista, no litoral paulista.  Até 29 de abril, a carreta estará estacionada junto à unidade do Sest Senat (Serviço Social do Transporte/Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte) da cidade de São Vicente, praça Adalberto Panzan, 151, Cidade Náutica III. O atendimento é gratuito, e destinado a motoristas que estejam realizando cursos e treinamentos na entidade.

 Nessa Unidade Móvel de Saúde, são oferecidos serviços de tomografia, oftalmologia, telemedicina e exames laboratoriais. Os atendimentos são realizados por médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, analista de laboratório. Todo o corpo clínico da unidade é do Einstein.

 Essa parceria começou por Itabira (MG) e depois seguiu para a fábrica da Mercedes-Benz em São Bernardo do Campo (SP), atendendo caminhoneiros que circulam na entrega ou retirada de cargas na empresa. A partir de agora, a carreta irá se deslocar por várias localidades do País, em ações para motoristas de caminhões e ônibus nas estradas.



Carreta irá circular por pontos de grande concentração de caminhoneiros

 No atendimento aos caminhoneiros, as equipes do Einstein dão foco a consultas e exames que buscam promover a saúde dos profissionais do volante, visando especialmente a redução de riscos cardiovasculares. Neste caso, a carreta circula por pontos de grande concentração de motoristas, como rodovias, portos e postos de combustível e serviços. A programação seguirá por outros estados, em locais de grande movimentação de caminhões no País.

 O semirreboque que abriga a Unidade Móvel de Saúde do Einstein tem cerca de 15 metros de comprimento e 2,60 metros de largura. Para ampliar o espaço interno e oferecer mais conforto no atendimento aos pacientes e caminhoneiros, parte da carroçaria é extensível, ganhando espaço na largura e recebendo rampa de acesso. Isso traz mais comodidade e segurança para cadeirantes e para pessoas com dificuldade de locomoção.

 O espaço interno abriga uma sala de tomografia com paredes blindadas com chumbo para proteção dos pacientes e dos profissionais da saúde, sala de comando do exame de tomografia, sala técnica, duas salas de teleatendimento, laboratório, sala de espera para exames, ambientes multiuso e hall de entrada. Também dispõe de um consultório oftalmológico para futuras ações de saúde nessa carreta.



Mais de 440.000 atendimentos em um ano do projeto

 A Mercedes-Benz do Brasil e as ONGs parceiras comemoraram, recentemente, o êxito do primeiro ano do projeto #UnindoForças, que contempla as atividades de oito carretas puxadas por caminhões da marca e dois ônibus como Unidades Móveis de Saúde. Esta ação conta com o engajamento de várias entidades e empresas em um grande compromisso para levar atendimento médico, assistência social e vacinas a comunidades carentes de localidades distantes e à população em vulnerabilidade de diferentes regiões do Brasil, como também aos motoristas nas estradas.

 No primeiro ano de intensas ações e atividades, completado no último mês de março, a iniciativa acumulou resultados expressivos. Foram mais de 440.000 atendimentos realizados, sendo 374.000 procedimentos médicos para mais de 171.000 pacientes e aplicação de 69.000 vacinas da Covid-19. O projeto já chegou a 60 cidades dos quatro cantos do País. No total, as 8 carretas e os 2 ônibus já rodaram mais de 30.000 km.

 “O projeto das Unidades Móveis de Saúde é uma parceria admirável com ONGs especializadas em atendimentos médicos. Tanto os caminhões, quanto os ônibus usados para vacinação, reforçam a diversidade de ações comunitárias da nossa Empresa”, ressalta Achim Puchert, presidente da Mercedes-Benz do Brasil & CEO América Latina. “Esta é uma contribuição importante para o País, que beneficia a sociedade e que mostra o nosso compromisso com a sustentabilidade na dimensão social. Nossa expectativa é chegar a 1 milhão de pessoas atendidas em três anos”.

 De acordo com o executivo, o êxito e a continuidade do projeto antes, durante e depois da pandemia mostram sua relevância tanto na proposta social de dar suporte às demandas de saúde em diferentes regiões, quanto no fortalecimento de parcerias que promovem a transformação da sociedade. “Nossa Empresa acredita que unir forças é o caminho mais eficiente de promover o desenvolvimento social e estamos muito satisfeitos com os passos que estamos dando nesse sentido por meio dessa ação”, afirma Achim Puchert.

 “Esse projeto tem tudo a ver, portanto, com o pilar responsabilidade social dos princípios ESG que seguimos globalmente no grupo Daimler Truck. Isso vai além do nosso corebusiness de produzir caminhões e ônibus e de desenvolver serviços. A Mercedes-Benz segue firme no propósito de mover o mundo. Por isso, reforça sua contribuição com o desenvolvimento da sociedade em que está inserida. Assim, garantimos qualidade de vida, recursos naturais e segurança para um futuro mais sustentável”, conclui o executivo.

Aporte de 4,5 milhões de euros do governo alemão via DEG

 O grande impulso financeiro do projeto #UnindoForças veio do governo alemão, que contribuiu com 4,5 milhões de euros para a construção das Unidades Móveis de Saúde e de Vacinação e aquisição de equipamentos médicos. Essa participação é viabilizada pelo Ministério Federal de Cooperação e Desenvolvimento Econômico da Alemanha.



 O investimento foi realizado pela DEG, subsidiária da KfW Bankengruppe, um dos bancos de fomento líderes e mais experientes do mundo. Entre diversas ações globais, destina recursos a programas de países emergentes e em desenvolvimento com foco em questões sociais, ambientais e econômicas.

 A Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha (AHK São Paulo) deu apoio importante na aproximação com o governo alemão. Essa tradicional instituição representa oficialmente a economia alemã no Brasil, atuando como base para o fortalecimento e a diversificação dos negócios de seus associados, na atração de investimentos para o Brasil, na ampliação do comércio bilateral e na cooperação entre os países.

 Além da idealização e gerenciamento do projeto, a Mercedes-Benz do Brasil contribui com o fornecimento dos caminhões e ônibus da marca para a mobilidade das Unidades Móveis de Saúde e de Vacinação, além de motoristas e recursos internos para administração do projeto. Isso totaliza cerca de 1 milhão de euros em horas de trabalho para a Companhia. 

Sobre a Mercedes-Benz do Brasil

 Presente no País há 65 anos, a Mercedes-Benz do Brasil é a maior fabricante e exportadora de caminhões e ônibus da América Latina. É também líder no desenvolvimento de tecnologias para o transporte de cargas e de passageiros. A Empresa possui unidades de produção de caminhões, de chassis de ônibus e de agregados em São Bernardo do Campo (SP) e de cabinas de caminhões em Juiz de Fora (MG), além da unidade de Peças e Serviços ao Cliente, Logística de Peças e Global Training em Campinas (SP). Em 2018, a Companhia inaugurou a primeira linha de caminhões no conceito 4.0 do País e lançou seu Campo de Provas, o maior do hemisfério sul para veículos comerciais. Em 2019, em segunda fase da Indústria 4.0, a Empresa iniciou as operações em uma nova linha de cabinas e lançou o Novo Actros, caminhão mais inteligente, conectado, eficiente e seguro do País. Em 2020, foi a vez de inaugurar a fábrica 4.0 de chassis de ônibus. Em 2021, foi apresentado o primeiro veículo elétrico da Mercedes-Benz no Brasil - o chassi de ônibus urbano eO500U, além de mais lançamentos, como o extrapesado Arocs, caminhão destinado à mineração e construção civil pesada. Dando continuidade aos investimentos, a Empresa está implementando aporte de R$ 2,4 bilhões entre 2018 e 2022 no Brasil.


Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

Top Post Ad