About Me


Dakar: Com ritmo forte, Van Kasteren leva o seu Iveco PowerStar ao 4 lugar no Dakar


Sendo o principal nome do time, Van Kasteren vem empregando ritmo forte nas etapas 

Especial Rally Dakar – Na quarta etapa do Rally Dakar, das cidades de Neom até Al Ula (total de 676 km)  Van Kasteren (Caminhão PowerStar de nº 505) empregou um ritmo forte e finalizou na quarta posição, com isso na classificação geral ele está a pouco menos de 6 minutos atrás de E. Nikolaev, campeão do Dakar 2019 que está na sexta colocação.  

 Apesar da vitória, Van Kasteren era um misto de alegria e fúria, já que devido a um erro da organização, o caminhão de nº 524 da equipe Firemen Dakar Team, no qual usam o Renault K-520, largou a sua frente, porém logo foi alcançado por Van, e ao ser alcançado não facilitou ou deu passagem para Van no qual fez o mesmo dirigir na poeira e de forma mais lenta. Em debate com entre as duas equipes, Richard De Groot piloto do Renault se defendeu e disse que não podia fazer nada, já Van Kasteren defende que estava mais rápido e por isso Richard devia lhe dar passagem.  




 Van Kasteren registrou uma queixa oficialmente contra a equipe Firemen Dakar Team, até o momento a organização do Dakar não emitiu nenhum comunicado, ficando apenas com um vídeo do momento anexado em suas redes sociais que pode ser visto abaixo  

Equipe Petronas Team De Rooy Iveco perde um caminhão 

 O caminhão de nº 522, modelo PowerStar do piloto Victor Willem Corne Versteijnen (HOL), Andreas Wilhelmus Michiel Marius van der Sande (HOL), Teun van Dal (HOL) teve um problema grave no cubo da roda que pode ser consertado mas não a tempo para largar na quarta etapa, com isso eles estão fora do Rally Dakar, e automaticamente entra na categoria Dakar Experience, no qual eles podem participar das etapas mas não pontuarão e ainda podem servir como caminhão de apoio, ou seja, caso um caminhão da equipe tenha um problema mecânico ou até mesmo atolar, eles podem parar e auxiliar.  

 Além de Victor Willem, outros dois caminhões estão nessa categoria sendo eles da equipe Raibow Truck Team (GERRIT ZUURMOND (Piloto) (NLD), JASPER RIEZEBOS (Copiloto) (NLD), KLAAS KWAKKEL (Mecânico) (NLD) e a equipe Hino Team Sugawara (IKUO HANAWA (Piloto) (JPN), YUDAI HANAWA (Copiloto) (JPN), MAYUMI KEZUKA (Mecânica feminina) (JPN). 

Albert Llovera e sua equipe Ferran Marco Alcayna e Marc Torres. Foto Petronas Team De Rooy Iveco

Albert Llovera em busca do Top 10 

 Participar da maior competição e mais desafiadora competição de rally não é para qualquer um. Com provas de até 6 horas de duração, o Rally Dakar e uma constante luta entre homem x máquina x natureza, Albert participa pela sexta vez do Rally Dakar. (Participou em 2007, 2014, 2015, 2016 e 2017). Mas o que faz a sua participação tão especial? Albert Llovera sofreu um acidente de esqui no qual causou uma lesão na coluna vertebral e perda de habilidades motoras, deste então tem se aventurado em diversos esportes e chegou a participar dos jogos Olímpicos de Inverno em Sarajevo. Ele também competiu no basquete paralímpico, praticou esportes de aventura e desenvolveu uma extensa carreira como piloto de rally. De todo o seu extenso histórico esportivo, ele resgata que o Dakar é sua verdadeira paixão e um desafio pessoal. 

 Ganhar o Dakar é um sonho de qualquer piloto do mundo, porém Albert que em 2016 terminou o rally na 35º colocação em 2017 na 24º colocação (ambas na categoria de caminhões) almeja terminar o Dakar 2020 no Top 10. 

Confira o resultado da quarta etapa: 

1 - Anton Shibalov (Kamaz) 04:15:43 

2 - Andrey arginov (Kamaz) + 00:04:41 

3- Dmitry Sotnikov (Kamaz) + 00:09:05 

4 - Janus Van Kasteren (Iveco) + 00:13:02 

5 - Gert Huzink (Riwald Dakar Team) + 00:14:00 

------ 

17 - Albert Llovera (Iveco) +01:15:04 

20 -  Michiel Becx +02:09:32 

DNF - Victor Willem Corne Versteijne (sem tempo) 

Confira a classificação geral do Dakar após a quarta etapa 

PETRONAS Team De Rooy IVECO: patrocinador de títulos  

 A PETRONAS Lubricants International, pelo nono ano consecutivo, será o patrocinador principal e o parceiro técnico que fornecerá o lubrificante desenvolvido em parceria com a IVECO e a FPT Industrial, e recomendado na gama de veículos leves e pesados da montadora, além de fluídos como o óleo de transmissão PETRONAS TUTELA. A equipe utilizará o óleo de motor premium PETRONAS Urania, formulado com a avançada tecnologia de aditivos, projetada especificamente para proteção e confiabilidade total do motor, eficiência e desempenho aprimorados.  

Sobre a IVECO  

 A IVECO é uma marca da CNH Industrial N.V., líder mundial em Bens de Capital listados na Bolsa de Nova York (NYSE: CNHI) e no Mercato Telematico Azionario da Borsa Italiana (MI: CNHI). A IVECO projeta, fabrica e comercializa uma ampla gama de veículos comerciais leves, médios e pesados, caminhões fora-de-estrada e veículos para aplicações como missões off-road. O portfólio de produtos da montadora no Brasil inclui modelos das linhas Daily, TectorHi-Road e Hi-Way. A IVECO emprega cerca de 21 mil pessoas em todo o mundo. Gerencia locais de produção em sete países da Europa, Ásia, África, Oceania e América Latina, onde produz veículos com as mais avançadas tecnologias. 4.200 pontos de atendimento, em mais de 160 países, garantem o suporte técnico sempre que um veículo da IVECO está em operação.  

 Sobre a CNH Industrial  

 CNH Industrial N.V. (NYSE: CNHI /MI: CNHI) uma das líderes globais no setor de bens de capital com experiência industrial reconhecida, tem uma ampla gama de produtos e presença mundial. Cada uma das marcas individuais que pertencem à empresa é uma força internacional de destaque em seu setor específico: Case IH, New Holland Agriculture e Steyr para tratores e máquinas agrícolas; CASE Construction Equipment e New Holland Construction para equipamentos de movimentação de terra; IVECO para veículos comerciais; IVECO BUS e Heuliez Bus para ônibus urbanos e rodoviários; Iveco Astra para veículos de pedreira e construção; Magirus para veículos de combate a incêndio; Iveco Defence Vehicles para defesa e proteção civil; e FPT Industrial para motores e transmissões; CNH Industrial Capital para serviços financeiros. Mais informações estão disponíveis no website da empresa: www.cnhindustrial.com 

Texto de Érico Rafael Pimenta. Editor-chefe do Midia Truck Brasil 
Com informações de Iveco Brasil 

Postar um comentário

0 Comentários