Iveco leva ao Seminário Nacional NTU o seu ônibus 100% elétrico

0

Batizado de E-Way modelo confirma pacote de soluções completo e customizado, aplicável à América Latina

 A inovação em novas tecnologias está no DNA da IVECO BUS, com mais de 20 anos de experiência abrindo caminho para gerações de trólebus, ônibus híbridos, gás e elétricos. Cada vez mais forte e presente no mercado, a marca do Iveco Group demonstra o elétrico E-WAY ao público do Seminário Nacional NTU 2023, nos dias 8 e 9 de agosto, em Brasília. O consagrado modelo foi recentemente apresentado a clientes da América Latina e em São Paulo, confirmando um pacote de soluções completo e customizado, aplicável às demandas da região.



 Produzido com cinco a nove pack de baterias, de acordo com a configuração, o E-WAY atende aos requisitos mais exigentes dos operadores em termos de autonomia diária e capacidade de passageiros. Desde o lançamento na Europa, a linha de ônibus elétricos tem se mostrado altamente confiável e eficiente. Cerca de 1.000 unidades estão atualmente em serviço em diversos países europeus, como França, Itália, Espanha, Holanda, Noruega e Alemanha, tendo percorrido mais de 55.000.000 km.

 Durante a 36ª edição do seminário promovido pela Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (NTU), será exibida a versão de 12 metros do E-WAY, com peso bruto total (PBT) de 20 toneladas, piso low-floor, pack de oito baterias no teto e motor com torque de 2.500 Nm, superior ao dos motores a diesel e fundamental para manter os tempos de viagem, mesmo nos horários de pico. O pacote modular de baterias é customizável à aplicação de cada operação, podendo assim reduzir o custo final do veículo. Além da versão 12 metros, o E-WAY está disponível em configurações 9,5 metros, 10,7 metros e 18 metros articulado.

 Para 2024, a nova tecnologia de bateria NMC (lítio, níquel, cobalto e manganês), solução mais versátil, potente e de alto desempenho, desenvolvida pela FPT Industrial especialmente para a IVECO BUS, trará capacidade individual de 69,3 kWh ao modelo. Com a tecnologia exclusiva, será possível carregar o ônibus durante a noite na estação de carga, na versão articulada do E-WAY, com autonomia de até 400 km, de acordo com as condições de operação. A grande flexibilidade e as soluções modulares oferecem uma densidade de energia impressionante para garantir o melhor desempenho da classe em ônibus urbanos.



 “Junto dos atores do transporte público urbano de passageiros no Brasil, estamos conscientes de que o setor é vital para a mobilidade sustentável, o que transformará os deslocamentos e a qualidade de vida das cidades”, afirma Danilo Fetzner, diretor da IVECO BUS para América Latina. “Atentos a cada passo da descarbonização do transporte, deixamos claro durante o Seminário Nacional NTU 2023 que temos produtos robustos, consagrados e tecnologia de ponta para atender não só a demanda de eletromobilidade, como também de ônibus a gás natural no Brasil e na América Latina”, aponta Fetzner.

Chassi 17-210G a gás: potencial de aplicação com GNV ou biometano

 Lado a lado à eletrificação, a IVECO BUS apresentou no ano passado o 17-210G, primeiro ônibus movido a Gás Natural Veicular (GNV) fabricado na Argentina, que integra a família Natural Power. O modelo de 17 toneladas tem alto potencial de aplicação, principalmente para uso urbano, em que diversas cidades brasileiras contam com distribuição de GNV ou produção de biometano, além de ser uma alternativa econômico-financeira interessante para o transporte sustentável.

 A tecnologia do motor FPT de 5,9 litros permite que o chassi da IVECO BUS seja operado a GNV ou com biometano, combustível gerado a partir de rejeitos e dejetos, como esterco de gado. Em operação, o uso do gás garante reduções de 90% do dióxido de nitrogênio (NO2) e de 10% de dióxido carbono (CO2). Abastecido com biometano, a emissão de CO2 é até 95% menor.

 Com seis cilindros, o 17-210G tem capacidade de 80 litros para cada cilindro, o que totaliza 100 metros cúbicos de gás. Na bomba, o tempo de abastecimento é de aproximadamente 20 minutos. A autonomia é de cerca de 250 quilômetros, podendo variar conforme as condições de operação e abastecimento, distância suficiente para as operações urbanas diárias.

Estamos na vanguarda da transição energética para transporte de passageiros, apoiando nossos clientes ao longo desse caminho com soluções completas que combinam as tecnologias de propulsão alternativas mais avançadas, com o nosso foco incansável em TCO”, afirma Fernando Quadrelli, coordenador de Marketing Produto da IVECO BUS.


Postar um comentário

0Comentários
Postar um comentário (0)

#buttons=(Accept !) #days=(20)

Nosso site usa Coockies para melhor a sua experiência. Saiba mais
Accept !
To Top