Header Ads

Câmeras no lugar de retrovisores. Organizações nos Estados Unidos discutem alterações nas leis


Mercedes-Benz é pioneira ao lançar o Actros Mirror Cam tanto no mercado europeu como no brasileiro 

 Eleito o International Truck OF The Year de 2020, o Actros Mirror Cam é o primeiro caminhão a ser comercializado e produzido em larga escala que tem câmeras de vídeo no lugar dos retrovisores. Pelo fato do lançamento do Mirror Cam ter ficado em segredo até o final, coisa cada vez mais rara atualmente, nos faz pensar se a Mercedes teve grandes problemas para legalizar e homologar o modelo para o mercado europeu, já que o pensamento em câmeras no lugar dos retrovisores era voltado apenas para modelos conceitos.  

 Do outro lado do Atlântico, nos Estados Unidos, Organizações do transporte vem em uma discussão para a legalidade dos modelos com câmeras no lugar dos retrovisores.  

 Até o momento, as organizações tem se mostrado a favor e especialistas apontam vantagens específicas, incluindo custos operações. Por exemplo, a associação americana de caminhões (EMA) fala sobre a economia de combustível. A opção por modelos sem retrovisores deve melhorar a aerodinâmica e reduzir o consumo de combustível de 0,8 a 2%. 




 A Associação de operadoras (ATA) que também é a favor da implementação, comenta que as câmeras tem um custo de manutenção menor do que os espelhos retrovisores.  

 Já do lado contrário, a organização de segurança de veículos comerciais da CVSA fala sobre dificuldades que pode acontecer em caso de fiscalizações e blitz nas estradas. Hoje, a polícia pode verificar de imediato se um motorista está com ambos os retrovisores em pleno funcionamento, ou seja, que não estejam quebrados. Já com as câmeras, a organização alega que isso será mais difícil.  

 A CVSA também levanta a questão da segurança, que é um tópico muito sensível nos EUA. Aqui é enfatizado que os espelhos permitem ao policial observar o comportamento do motorista. Por exemplo, um policial pode ver à distância que se o motorista está saindo do banco no momento de uma abordagem. Além disso, durante a inspeção da condição técnica, o espelho facilita a comunicação entre o inspetor e o motorista. 

 Até o momento, a organização americana FMCSA concedeu apenas licenças condicionais e temporárias para o uso de câmeras no lugar dos retrovisores. A Stoneridge e a Vision Systems podem fornecer esses sistemas na forma de acessórios que não sejam de fábrica pelos próximos cinco anos. 

Texto de Érico Rafael
Editor-chefe do Midia Truck Brasil


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.