About Me


PRF flagra caminhão transitando na BR 242 com excesso de passageiros e carregado com 24 toneladas de milho sem nota fiscal


As infrações registradas variam de natureza média e gravíssima. Já as multas somaram quase 1.000 mil reais e geraram 15 pontos na carteira. 

(Agência PRF) No início da noite desta segunda-feira (14), policiais rodoviários federais deram ordem de parada a um caminhão VW/24.250 CNC, com placas de Ibitiara (BA). A ação foi registrada no KM 408 da BR 242, trecho do município baiano de Seabra. 

 Durante os procedimentos de fiscalização, a equipe flagrou diversas irregularidades no veículo. Os agentes federais flagraram excesso de passageiros na cabine do veículo o qual comportava apenas 3 pessoas, porém transportava 5 indivíduos. Além disso, o caminhão apresentava sistema de iluminação comprometido. 




 O motorista profissional de 22 anos apresentou CNH categoria AB, e foi autuado também pelo artigo 162, inciso III – CTB: Dirigir veículo de categoria diferente da do veículo que esteja conduzindo, infração gravíssima, 7 pontos na carteira e multa. 

 Diante das irregularidades apresentadas, os PRFs emitiram as infrações de trânsito previstas nos artigos 162 (inciso III); 230 (inciso XXII) e mais o 231 (inciso VII), todos do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), quais sejam: 

Dirigir veículo com CNH de categoria diferente da do veículo; 

Conduzir o veículo com defeito no sistema de iluminação, sinalização ou lâmpadas queimadas; 

Transitar com o veículo com lotação excedente. 

  As três infrações registradas variam de natureza média e gravíssima. Já as multas somaram quase 1.000 reais. O caminhoneiro ainda levou 15 pontos na Carteira de Habilitação (CNH). 

 Durante vistoria no compartimento de carga foi verificado que estava carregado com 24 toneladas de milho a granel, porém, não foi apresentada a comprovação fiscal da mercadoria. 

 Aos policiais, o condutor relatou que comprou os sacos de milho para consumo próprio e da família. O embarque da carga foi realizado no povoado Barro Alto, próximo a cidade de Irecê (BA). 

 O veículo só foi liberado após sanar as irregularidades e encontra-se à disposição no pátio da PRF para os procedimentos administrativos junto à Secretaria da Fazenda (SEFAZ/BA). 

 A PRF alerta para os riscos de condutas imprudentes no trânsito responsáveis pela grande maioria dos acidentes graves registrados nas rodovias do país. 


Postar um comentário

0 Comentários