Publicidade

Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5

Style6[OneLeft]

Style6[OneRight]

Aumento da exportação impulsiona contratação na Scania


 Na América do Sul, o Chile e a Argentina são os destaques, enquanto países do Oriente Médio reforçam pedidos e com bons resultados na Europa, a fabricante sueca direciona mais volume para a produção brasileira



 Desde 2014, quando avistou o desaquecimento no mercado brasileiro, a Scania se voltou às exportações. “Como temos um produto global e fábricas padronizadas em todo o mundo foi possível direcionar nosso volume para atender a demanda de outros países”, conta Marcelo Gallão, vice-presidente de Logística da Scania Latin America. “O aumento de pedidos na Europa também colaborou para que trouxéssemos novos clientes externos para a produção de São Bernardo do Campo e agora, esse cenário permitiu a contratação de colaboradores, aproximadamente 500”, diz o executivo.

 Historicamente, o mercado interno representava 70% da produção na planta do ABC, 30% eram destinados para exportação, “Essa proporção foi invertida. Mas os níveis não correspondem aos mesmos, quando por exemplo, em 2013, o Brasil bateu recorde de emplacamentos no País”, afirma Marcelo. Apesar de os volumes não serem equivalentes, foi graças a flexibilidade do seu sistema de produção que a fabricante sueca atravessou a crise e hoje atende cerca de 30 países na América Latina, Oriente Médio, África e Ásia.


 “Esse direcionamento externo também nos coloca desafios. Pela primeira vez, por exemplo, vamos exportar cabinas para a nossa fábrica na Holanda, onde o caminhão será montado”, conta o vice-presidente de Logística da Scania Latin America. Além de todo o cuidado com a qualidade do produto, a maior preocupação é a garantia do tempo para entrega do veículo para o cliente final. “Temos uma Organização preparada, bem estruturada e desenvolvida para atender às exportações, mas esse é o tipo de atividade que tem uma interdependência muito grande com infraestrutura e processos externos, o que exige que o Brasil também esteja atendo e garanta a previsibilidade e a celeridade de seus trâmites”, ressalta Marcelo.

 Segundo o executivo da Scania, as contratações serão, na sua maior parte, para o trabalho na fábrica e estão ligadas diretamente ao volume nos mercados externos. “Esperamos ter os novos colaboradores até o final de maio e para atender a demanda vamos também aumentar os turnos de produção”, diz.



 Investimento – Para manter a fábrica de São Bernardo do Campo (SP) um espelho da linha de produção da Scania na Suécia (sede do Grupo) e replicar o padrão global é preciso garantir investimento constante na atualização do parque industrial do ABC paulista. “Recentemente anunciamos o aporte de R$ 2,6 bilhões na operação brasileira até 2020. Isso faz com que subsidiária tenha uma linha global de produtos para exportar a todos os mercados onde a Scania está presente no mundo - inclusive os mais exigentes. Nos últimos anos fomos, por exemplo, acionados para exportar a países como Rússia, Irã, Malásia e Índia - antes atendidos por linhas da matriz, que agora estão sobrecarregadas”, conta Marcelo Gallão.


TRP lança kit de embreagem para linha Scania Série V


Novidade já está disponível em toda rede de concessionárias DAF Caminhões 



A TRP, linha multimarcas da PACCAR Parts, líder global em distribuição de peças e atendimento qualificado aos clientes, lança kit de embreagem para a série V da Scania, incluindo as linhas P, G e R. As peças estão disponíveis em toda a rede DAF Caminhões com preços especiais de lançamento.

“Esta é a terceira linha que lançamos este ano e temos outras novidades previstas. Sabemos que nossos clientes buscam por uma linha cada vez mais completa de produtos e estamos trabalhando para isso”, diz Carlos Tavares, Diretor da PACCAR Parts Brasil.


 Os produtos têm garantia de 1 ano e passam por testes rigorosos em termos de padrões de qualidade. O kit de embreagem já pode ser encontrado nas 22 concessionárias DAF Caminhões espalhadas em todo o Brasil. As unidades são preparadas para receber tanto caminhões DAF como de outras marcas para serviços preventivos, manutenções periódicas e também atendimentos emergenciais.

 Para saber qual a concessionária mais próxima acesse o site da PACCAR Parts Brasil

Conheça a TRP

 A marca TRP surgiu em 1994, com uma linha selecionada de peças para carretas e comercializada exclusivamente por revendedores DAF na Europa. Nesse tempo, cresceu e passou a incluir também uma linha completa de peças de alta qualidade para caminhões e ônibus a preços competitivos. 



 Presente na Europa, América do Norte e América do Sul como uma marca global, a TRP oferece um portfólio completo de produtos de pós-venda para equipamentos comerciais, incluindo caminhões, reboques, ônibus, motores e guinchos.


No Brasil, a marca conta com 26 linhas e mais de 500 itens disponíveis.


Família Scania leva clientes à Itália

 Programa de relacionamento do Consórcio Scania ofereceu uma programação especial combinando lazer e conhecimento sobre o setor de transporte em Roma 



 Um passeio pela cultura italiana, muita massa, música, visita a clientes locais e conhecimento do negócio. Foi esse o roteiro que o Consórcio Scania proporcionou para cerca de 700 clientes, que estiveram nas últimas semanas em Roma, como parte do seu programa de relacionamento, o Família Scania. “Muitos clientes já participaram de eventos anteriores conosco, e confiam no nosso trabalho, seja administrando seus investimentos ou proporcionando uma viagem tranquila e prazerosa. E quem vem pela primeira vez é contagiado por esse clima familiar!”, diz Suzana Soncin, diretora-geral do Consórcio Scania.


 A programação da viagem contou com uma visita ao cliente La Costiera, de distribuição de limão siciliano, produto típico da região, e sua estrutura de logística na cidade de Fondi. A empresa utiliza uma frota exclusiva de caminhões Scania equipados com motor V8. Na busca para sempre melhorar o Família Scania, o Consórcio incluiu a visita ao transportador após demandas de outros participantes do programa.

 Para um maior entendimento sobre o sistema de transporte na Itália, Paolo Carri, diretor de vendas da Scania Itália, fez uma explanação geral e também elencou as dificuldades e desafios enfrentados pelos transportadores, além de detalhar a estrutura de atendimento da marca naquele país. “Depois de anos de crise muito forte, com sérios impactos no setor de transporte rodoviário de cargas, a economia da Itália começa a dar sinais de recuperação, que são percebidos com o aumento da venda de caminhões. Em 2016, a Scania Itália se tornou líder de mercado com 15,4% de participação na categoria”, salienta Carri.



 Os clientes ainda puderam ver a cabine S, da nova geração de caminhões Scania, equipado com motor V8 de 730 cavalos. “Pensamos em todos os detalhes para transformar a viagem em uma experiência inesquecível, e que gere valor para os clientes”, explica Suzana. “Mas, sabemos que o principal diferencial dessa ação é o sentimento de acolhimento e amizade, que faz com que todos se sintam como uma família.”

 Outro destaque da programação foi a participação do jornalista Gianenrico Griffini, organizador do prêmio “Truck of the Year”, que explicou os motivos que levaram a Scania à conquista da edição 2017 com sua nova geração de caminhões. Segundo ele, três fatores principais foram levados em consideração: a rede de serviços conectados para os clientes, a performance e a cabine, onde o motorista tem mais conforto, ergonomia e visibilidade. O júri é composto por 25 jornalistas das principais revistas de transporte da Europa.

 De acordo com Victor Carvalho, diretor de Vendas de Caminhões da Scania no Brasil, a fabricante sueca é, e sempre foi, referência em relacionamento com os clientes e o Família Scania tem sido fundamental para manter essa proximidade. “Em 2017, quando completamos 60 anos de presença no Brasil, continuamos trabalhando com foco na parceria com nossos clientes, oferecendo soluções de produtos, serviços e financeiras que resultem no menor custo por quilômetro rodado e na obtenção dos melhores índices de economia de combustível, disponibilidade e rentabilidade da operação”, destaca.

 O Família Scania, em 15 anos de existência, já proporcionou viagens a 55 mil pessoas. Em 2017, haverá mais dois eventos: ida ao Rio de Janeiro e um segundo grupo para Roma, com 210 pessoas. Ambos em agosto. O Consórcio Scania ainda tem cotas disponíveis para as duas viagens. No site www.consorcioscania.com.br é possível obter mais informações.



Transporte de água em caminhão-pipa contará com novas regras


SAULO ARAÚJO, DA AGÊNCIA BRASÍLIA

Intenção é evitar que falta de higiene dos veículos torne o recurso impróprio ao consumo.



O Distrito Federal conta com novas regras para a venda de água potável em caminhões-pipa. As orientações constam de instrução normativa publicada no Diário Oficial do Distrito Federal na última quinta-feira (18).

 Com o aumento da demanda em função do racionamento, o governo de Brasília decidiu criar um mecanismo mais rigoroso para garantir que os veículos distribuam água de maneira adequada, sem riscos de contaminação.

 O dono do caminhão-pipa deverá, obrigatoriamente, submeter o veículo a uma inspeção da Vigilância Sanitária, da Secretaria de Saúde, que verificará as condições de higiene, transporte e armazenamento da água.


 Após a vistoria, será emitida uma espécie de certificado, documento que autoriza o serviço. A qualquer momento, fiscais da Vigilância Sanitária poderão inspecionar as condições do caminhão-pipa.

 Caso o proprietário descumpra as condições, perderá o certificado, terá suspenso o direito de transportar água em caminhão-pipa e precisará pagar multa que varia de R$ 2 mil a R$ 1,5 milhão.

 Segundo o diretor da Vigilância Sanitária do DF, Manoel Silva Neto, a intenção do governo com a medida é evitar surtos de doenças provocadas pela má qualidade da água.



“A água não potável pode trazer elementos que contribuem para doenças como diarreia, hepatite, rotavírus e outras. Nossa intenção é ter a certeza de que a água transportada em caminhão-pipa não colocará em risco a população”, destacou.

Horário reduzido para captação de água no DF

 Em outubro de 2016, em função da crise hídrica, a Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do DF (Adasa-DF) publicou uma resolução que restringe os horários para captação de água por caminhões-pipa em todo a capital.

 Antes disponíveis durante todo o dia, os pontos de captação passaram a ser liberados para os caminhões-pipa apenas das 6 às 14 horas.



 De acordo com a estatal, há cerca de 400 máquinas do tipo na região, cada uma com capacidade para absorção de 10 metros cúbicos de água.

 Como um caminhão-pipa leva, em média, 30 minutos para ser abastecido, calcula-se uma redução de 50% no uso dos recursos com o controle do horário.

 A resolução também estabelece que apenas um veículo poderá usar o ponto por vez. As concessões de novas outorgas estão suspensas por enquanto

Uber lança aplicativo para conectar caminhoneiros a empresas


Por Redação Link - O Estado de S.Paulo

 Chamado de Uber Freight, serviço promete facilitar o transporte de cargas nos Estados Unidos



 O aplicativo de carona paga Uber lançou nesta quinta-feira, 18, o Uber Freight, um novo aplicativo para conectar caminhoneiros a empresas que precisam transportar cargas. O serviço está disponível para smartphones Android e iOS, mas somente nos Estados Unidos.

 O novo aplicativo funciona de forma semelhante ao de caronas. Os caminhoneiros se inscrevem e são avaliados antes de serem autorizados a usar o Uber Freight. Depois, o serviço mostra uma lista com os tipos de frete disponíveis, indicando a rota, o que será levado e o pagamento referente àquela viagem. Depois de escolher o frete, o motorista precisa fazer a entrega para poder encontrar uma nova viagem no aplicativo.


 Contudo, diferentemente do app de caronas, o Uber Freight pode enfrentar problemas pelo fato de transporte ser um serviço demorado e fisicamente exigente. Se um motorista de Uber deixa um passageiro e não encontra chamados no local, ele pode dirigir pela cidade até achar um pedido, mas isso se complica um pouco se pensarmos que no serviço de frete o parceiro estará a quilômetros de sua casa.

 Iniciativa. O Uber diz que o novo serviço vem para ajudar todos caminhoneiros norte-americanos a encontrarem trabalho. No país, o setor de transportes é dominado por homens brancos, e há relatos de mulheres e motoristas negros que foram discriminados ao tentarem entrar na área.



 Mas a empresa não é a única a tentar mudar a indústria de transporte. A Amazon também já anunciou estar trabalhando em um serviço similar para conectar motoristas com empresas que precisam de frete.

 O Uber também direciona esforços para desenvolver tecnologia para possibilitar a criação de caminhões autônomos. Em setembro de 2016, a empresa comprou a startup Otto, que já desenvolvia tecnologia no segmento, em um acordo de US$ 680 milhões.


IVECO ULTRAPASSA MARCA DE 1 MILHÃO DE FÃS NO FACEBOOK


 Montadora confirma seu pioneirismo na comunicação com o público por meio das mídias digitais



 A fanpage da IVECO no Facebook completa seis anos de existência em 2017 e com mais de um milhão de seguidores, marca alcançada nessa semana. A montadora é pioneira no ambiente digital. Foi a primeira a lançar um blog, reconhecido em premiações do segmento e também criou perfis no Instagram, no Twitter e no Linkedin, e canal no Youtube.

 Para comemorar o resultado, a IVECO produziu um post especial agradecendo aos internautas que curtem e seguem a página – “1 milhão de agradecimentos retrata nosso sentimento hoje”. 


 Para comemorar o resultado, a IVECO produziu um post especial agradecendo aos internautas que curtem e seguem a página – “1 milhão de agradecimentos retrata nosso sentimento hoje”.

 "A interação por meio das redes sociais promove cada vez mais a proximidade com o nosso público, e aproveitamos o díálogo para construir um conhecimento coletivo e colaborativo, utilizado na evolução da estratégia de negócio da marca", destaca Maurício Corrêa, gerente de Marketing da IVECO. 



 O executivo ressalta ainda que, mais do que um canal de divulgação de promoções e produtos, as mídias digitais atualmente são uma importante ferramenta para os profissionais das estradas. "Aplicativos como o Facebook proporcionam aos caminhoneiros informação, entretenimento e o principal, contato com a família. Estamos com eles em todos os momentos, seja na boléia de um IVECO ou compartilhando experiências nas redes sociais."

Link para a Fan Page da Iveco: www.facebook.com/IvecoBr/




Top